Ensaio pré wedding no pico com neblina: Sara e Edigar

0 Compartilhados
0
0
0
0
0
0

Um clima aconchegante com direito a muita neblina nas montanhas para nos inspirar. Eles escolheram o Pico do Urubu para registrar esse momento que antecede ao “SIM” e o resultado foi simplesmente incrível!

Bom, as condições que Sara e Edigar encontraram ao chegar no local escolhido para as fotos não foram as melhores e nem mesmo a primeira opção de grande parte dos casais que planejam fazer um ensaio pré ou pós wedding.

O sol não apareceu e com isso eles não puderam desfrutar de toda paisagem que o lugar poderia os proporcionar. Mas quando se tem amor de sobra, o lugar ou as condições climáticas é o que menos importa, não é mesmo?

Há beleza até mesmo em dias nublados como esse e eu posso provar!

Segundo Edigar eles se conhecem desde a infância, mesmo a Sara não se lembrando do dele nessa época.

“Me lembro poucas coisas da época quando frequentávamos a mesma Igreja, sempre fui apaixonadinho por ela e ela só me dava toco, até que   um dia  ela me  mandou aquele meme das meninas rolezeiras e agora vamos nos casar.”

Vocês já ouviram dizer que existe uma linha tênue entre sentimentos tão intensos como o amor e o ódio? Acho que isso se aplica aqui viu…

Enquanto Edigar jura se lembrar de Sara aos 10 anos de idade e diz que sempre foi apaixonado por ela, Sara diz que odiava Edigar, ou será que já era amor e ela nem sabia?

“Eu ODIAVA o Ed kkkk. O pessoal ficava me empurrando para ele e eu não queria porque antes ele era  muito feio hahaha. E quem diria que depois de 4 anos ele seria meu primeiro beijo e primeiro/único namorado. Obs: Agora ele é o Homem mais lindo que eu conheço!”

Um casal eclético, unido, que ama sair para comer e bater perna!

A decisão de se casar veio logo após financiar um apartamento que não deu certo, mas serviu como ponto de decisão pois viram que estavam prontos para enfrentarmos as dificuldades juntos.

E por falar nisso, o maior desafio dessa fase de preparativos para eles foi a organização do casamento: “Foi o ponto mais estressante, pois muitos davam palpites e isso me deixava com um misto de sentimentos (porque nosso orçamento era baixo).”

Fornecedores

Fotografia: Fotografia na Vertical

Você também vai gostar