Escolher um bom fotógrafo para o grande dia é uma missão muito importante para os casais que estão planejando o casamento. Esse profissional será responsável por registrar todos os momentos e irá garantir suas recordações desse dia que é tão especial.

No dia do casamento os noivos costumam estar tão ansiosos e anestesiados com o momento que acabam não aproveitando como queriam. A noiva é a ultima a entrar e por isso não assiste a entrada do noivo, damas, pajens e de seus padrinhos. É através das fotos e filmagem que o casal irá recordar-se desse momento.

É através das fotos que vemos como tudo ocorreu e por esses e muitos outros motivos é que não se deve economizar no serviço de fotografia.

O barato pode custar caro!

Já pensou economizar na fotografia e o resultado final não for o esperado? Irão se arrepender todas as vezes que olharem para o álbum.

O momento passa e o que fica são as recordações. Então, como irão dividir esse momento e recordar com os amigos, filhos e até mesmo netos?

Por isso a dica é: na hora de escolher o fotógrafo todo cuidado é pouco!

O resultado desse trabalho deve expressar toda energia que o momento transmitiu ao casal.

As fotos precisam ser reflexo do que realmente aconteceu no dia. O investimento no casamento em geral com decoração, buffet, músicos, vestido e vários outros detalhes tem um alto custo e por isso devem estar nas fotos tão bonitos quanto estavam pessoalmente.

Para auxiliar na escolha do fotógrafo vai aí algumas dicas:

 

1. Orçamento

Prepare o bolso, o serviço de um bom fotógrafo pode ter um preço um pouco elevado. Porém não deve ser encarado como uma despesa, mas sim como um investimento!

Pesquise a faixa de preços dos serviços desejado na hora de encaixar em seu orçamento, para não gastar mais que o previsto. Caso o orçamento esteja curto, economize em outros detalhes, mas não deixe para contratar um fotógrafo “mais ou menos”, pois poderá se arrepender por isso posteriormente.

2. Qual tipo de serviço

Para solicitar orçamentos é importante ter em mente o tipo de serviço que desejam, pois isso irá refletir diretamente no preço.

A cobertura fotográfica pode ser apenas para o noivado, making of, cerimônia, recepção, pré e pós wedding. Há diversos pacotes com preços diferentes, de acordo com o serviço, quantidade de fotos, forma de entrega do material e outros detalhes.

3. Estilo das fotos

Além do serviço é importante definir o estilo desejado para as fotos. Podem ser posadas, fotojornalismo ou até mesmo uma mistura dos dois.

Como o próprio nome diz, as fotos posadas são aquelas tradicionais fotos com os pais, padrinhos, damas e pajens, já o fotojornalismo registra os momentos de forma espontânea.

Além disso, há no mercado várias tendências para ensaios e coberturas fotográficas. Converse com o fotógrafo e peça sugestões e opiniões que combinarão com seu casamento.

4. Pesquise profissionais

É importante pesquisar bastante antes de fechar contrato com um fotógrafo. Conferir seus trabalhos, pedir para ver o portfólio, fotos e filmagens de outros casamentos e eventos em geral.

Para isso, busque por indicações de amigos e sites de referencia. Se certifique da idoneidade do fotógrafo e não feche contratos com profissionais desconhecidos. Assim o risco de levar o calote ou do resultado final não ser o esperado com certeza irá reduzir.

5. Quantidades de profissionais

Ao fechar o contrato é importante verificar se a quantidade de fotógrafos contratados para cobertura do casamento é suficiente para a sua quantidade de convidados.

Para que todos os momentos sejam registrados é ideal a contratação de no mínimo dois fotógrafos, afinal não queremos perder o registro de nenhum momento especial não é mesmo?

Por isso confira com antecedência a quantidade de profissionais inclusos no contrato e o valor adicional para a contratação de mais profissionais. Para ter um bom resultado final e não se surpreender com taxas extras.

6. Forma de entrega do material

Alem de um bom fotógrafo, o resultado do serviço também deve ser analisado na hora de fechar o contrato.

Qual a forma de entrega do material?

Tradicionalmente as fotos são entregues em um álbum fotográfico com uma quantidade “x” de fotos escolhidas pelo casal. Além disso, há profissionais que disponibilizam pôsteres para moldura e outras fotos avulsas. Atualmente alguns casais têm optado por entrega via download (através de Dropbox, Google Drive entre outros) ou DVD, CD e até Pen Drive.

Pois o custo do álbum impresso é maior que a entrega por meios digitais, que ainda poderá ser impresso posteriormente.

Caso opte por álbuns impressos fiquem atentos aos detalhes do mesmo. Como por exemplo o modelo, diagramação, quantidade de fotos, entre outros. Essa escolha deverá ser feita de acordo com o gosto e condições financeiras do casal, avalie a opção que caberá em seu orçamento.

7. Preço

Não contrate o fotógrafo apenas pelo preço, acima de tudo leve em consideração a qualidade. Não se esqueçam de avaliar e comparar o preço com outros profissionais do mercado e não contratem o primeiro que encontrar.

Avaliem também se o preço informado já conta com a entrega do material impresso ou digital, ou se é apenas pela prestação dos serviços. Confiram a diferença para pacotes fechados e serviços avulsos, as taxas extras e as condições para pagamentos.

8. Reuniões

Não deixem de reunir com o profissional contratado para além de assinar o contrato, conferir o seu trabalho esclarecer todas as dúvidas!

Não contratem um profissional com alguma dúvida quanto ao seu serviço. Faça reuniões, expliquem sobre o estilo definido para seu casamento, a história do casal, realize um briefing com suas ideias e desejos, para que o mesmo proponha ideias que combinem com o casal.

9. Contrato

Ler o contrato é uma dica essencial para a contração de qualquer fornecedor. E também é válida para os fotógrafos!

Fiquem atentos para cláusulas de taxas extras. Verifiquem se consta no contrato todos os serviços e materiais prometidos pelo fotógrafo, à quantidade de profissionais contratados, formas de pagamentos e principalmente regras para rescisão do contrato. Essa ultima é importante para garantir. Nos casos em que ocorra algum problema e já tenha pagado certa quantia, a devolução do seu dinheiro.