Via Follow the Colours

Definir a data do casamento não é tão fácil quanto parece, é importante analisar vários pontos antes de escolher para não se arrepender depois com alguns imprevistos, como por exemplo:

Clima e tempo:

Aumento da probabilidade de chuva e frio em determinados meses.

Ausência de convidados:

Caso escolha datas que antecedem feriados prolongados ou férias, corre o risco de vários convidados já terem programado viagens e não poderem comparecer.

Aumento no preço de flores:

As estações do ano interferem na demanda e oferta de flores, por isso dependendo da estação determinadas espécies podem estar com preço mais elevado e o gasto com decoração poderá ser maior.

Por esses e outros motivos é que se torna imprescindível a análise do mês a ser escolhido para o casamento.

Veja as características de cada mês do ano, confira antes de definir a sua data:

 

1. Janeiro

Não é um mês muito procurado pelas noivas já que se trata do primeiro mês do ano e logo após datas comemorativas como Natal e Ano Novo, quando o gasto com presentes e confraternizações costuma ser maior.

Há uma facilidade para encontrar datas disponíveis e negociar com fornecedores, pois a demanda por esses serviços não é tão alta, sendo possível conseguir aquele descontinho!

Apesar do calor, janeiro é um mês chuvoso e por isso a melhor escolha é por lugares fechados e cerimônias noturnas. Por outro lado é período de alta temporada para viagens devido às férias escolares, o que torna a lua de mel mais cara e requer um planejamento e compra de passagens ou pacotes antecipados.

2. Fevereiro

Deve-se ter uma atenção especial para a data do carnaval! Como dito anteriormente as pessoas tendem a viajar nessa época devido ao feriado prolongado.

O calor e a chuva permanecem, no entanto as flores tropicais dão um charme e colorido especial para a decoração. Caso for viajar tenha atenção na escolha da data, passagens e pacotes próximos ao carnaval pois costumam ser mais caros, principalmente para regiões litorâneas.

3. Março

Esse é um mês bastante chuvoso, embora o calor diminua se comparado aos meses anteriores, a chuva aumenta e por isso o mês é conhecido pelas famosas “águas de março”. Nesse caso é indicado manter a opção de cerimônias em locais fechados.

As orquídeas estão em alta nesse mês e deixam a decoração maravilhosa, além de estarem com preço mais em conta!

As viagens também ficarão mais baratas, pois não é um mês de alta temporada, assim vale chorar aquele desconto e negociar pacotes para a lua de mel.

4. Abril

Mês mais indicado para casamentos ao ar livre, as chuvas já amenizaram e o clima está fresco, porém isso reflete diretamente no preço, a procura é alta em abril, o que torna tudo mais caro.

Caso queira casar nesse mês é recomendo um planejamento com bastante antecedência, assim poderá negociar preços com os fornecedores e adiantar os pagamentos conseguindo alguns descontos.

5. Maio

Esse é um mês um pouco concorrido devido a tradicional fama do “mês das noivas”, além disso é o “mês das mães” com isso as flores estão mais caras então prepare o orçamento e planejamento antecipadamente.

O clima em Maio é bem parecido com o de Abril, por isso também podem apostar em cerimônias ao ar livre, caso queira casar em igrejas reserve a data com antecedência, pois a concorrência no religioso é grande!

6. Junho

As temperaturas estão mais baixas e o frio começa a se aproximar, apesar do clima estar mais fresco não é muito indicado casamentos ao ar livre principalmente a noite, pois as mulheres podem sofrer com a baixa temperatura!

Apesar de ser o mês dos namorados não é um mês muito concorrido, por isso facilita a negociação com fornecedores. As tulipas estão em alta e são uma ótima opção para decoração e o buquê que fica lindo!

7. Julho

O frio chegou! Mês menos indicado para casamentos ao ar livre, então aposte em espaços fechados.

Julho é o mês de férias escolares, por isso convide e programe a viagem com antecedência. As pessoas costumam viajar neste período e por isso além da lua de mel ficar mais cara, os convidados podem não comparecer.

8. Agosto

Mês com grande disponibilidade para datas, buffet, espaços, igrejas, cerimoniais entre outros. A procura por esse mês é pequena devido há algumas noivas que acreditam na superstição “Agosto, mês do desgosto!” e por isso é possível negociar preços melhores com os fornecedores.

Além disso, não é mês de alta temporada para viagens com isso à lua de mel pode ficar mais baratas.

9. Setembro

Inicio de primavera e as flores estão maravilhosas!

Casar nesse mês exige planejamento antecipado, já que é super concorrido e procurado para cerimônias ao ar livre. Com isso as datas podem estar indisponíveis e os fornecedores mais caros.

10. Outubro

Recomendado para cerimônias ao ar livre! Aqueles casais que não conseguiram datas disponíveis em Setembro optam por casar em Outubro.

Assim a concorrência permanece alta e consequentemente os preços também. Auge da primavera e abundância de flores, aposte em lírios! Deixa a decoração maravilhosa.

11. Novembro

Mês chuvoso, dê preferência por cerimônias em locais fechados!

Alguns casais optam por esse mês devido ao recebimento da 1ª parcela do 13º salário, que ajuda no pagamento dos fornecedores. Atenção para os feriados prolongados!

12. Dezembro

Assim como em Novembro, alguns casais optam por esse mês devido ao recebimento do 13º salário, por isso é um mês bastante concorrido.

O que torna Dezembro um mês não muito recomendado são as datas comemorativas, pois costuma ser um mês de muitos compromissos e confraternizações. Com isso o risco dos convidados não poderem comparecer é maior!

Envie os convites com antecedência para que eles se programem.

Todo cuidado é pouco na hora de definir a data, por isso além de ficar atentos ao mês pesquisem sobre o clima e tempo da região onde pretendem realizar a cerimônia. Para casamentos ao ar livre vale incluir orçamentos de tendas em seu check list mesmo que o mês não seja chuvoso.

Lembre-se: Imprevistos acontecem e casais prevenidos valem por dois!