Tudo que precisa saber para escolha das alianças perfeitas!

As alianças tradicionalmente representam o matrimonio, simbolizam o compromisso firmado entre o casal e a união entre duas pessoas que se amam!

A escolha das alianças é uma etapa da fase de planejamentos tão importante quanto qualquer outra. Apesar de parecer uma decisão fácil de ser tomada deve ser analisada com atenção para não correr o risco de errar na escolha e se arrepender posteriormente.

As alianças tradicionalmente representam o matrimônio. Simbolizam o compromisso firmado entre o casal e a união entre duas pessoas que se amam, além do estado civil.

Por isso é algo tão especial para os noivos! Já que se trata de um acessório com um significado afetivo e que será usado diariamente.

O modelo deve ser definido na fase inicial dos planejamentos!

Pode ser escolhido pelo casal de maneira que agrade aos dois, para que não haja riscos quanto ao gosto e estilo da noiva. Mas também pode ser escolhido pelo noivo, o que é comum quando o mesmo decide fazer um pedido surpresa, mas que requer atenção em dobro.

Alguns casais trocam alianças no noivado e as utilizam novamente para a cerimônia do casamento, essa é uma opção mais barata para aqueles que pretendem economizar. Outros casais já preferem comprar alianças novas para o grande dia.

Há ainda aqueles que optam pelo tradicional anel de noivado, que é muito comum em outros países e vem ganhando espaços no Brasil, dessa forma além do anel precisarão comprar o par de alianças para a cerimônia, o que gera um maior gasto financeiro.

Via PinterestIndependente de quem irá escolhê-la e qual será a forma de usa-la, é muito importante estar atentos a vários detalhes.

Confira alguns pontos que devem ser levados em consideração na hora da escolha:

1. Modelo

No mercado há uma grande variedade de modelos que vão desde os mais tradicionais e simples, até os modelos personalizados e com acabamento diferenciado, por isso não é possível indicar modelos mais apropriados. O ideal é que a aliança seja a cara do casal e expresse seu gosto e estilo, por isso comece analisando suas preferências e assim pesquise os modelos existentes no mercado.

Para quem pretendem realizar um pedido de casamento surpresa é importante estar atento ao gosto de seu parceiro(a) antes de escolher o modelo! As mulheres tendem a sonhar e pesquisar modelos de aliança mesmo que o pedido ainda não tenha acontecido, por isso sempre observe os modelos que ela mais curte nas redes sociais e observa nas vitrines de lojas, além disso, peça ajuda para a mãe, irmã ou uma amiga próxima, com certeza elas poderão ajudar.

2. Conforto

Além do modelo e aparência, o conforto também deve ser levado em consideração antes escolher as alianças, já que esse será um acessório de uso diário. É fundamental experimenta-las antes de realizar a compra, para ter a certeza que a mesma não irá causar incômodos.

O recomendado é optar por modelos anatômicos, esses são arredondados em sua parte interna, reduzindo o atrito entre o acessório e o dedo, por isso são mais confortáveis e não machucam.

3. Tamanho

Qual é o tamanho do seu dedo? Caso você não saiba responder a essa pergunta não se preocupe!

O tamanho do aro de uma aliança é uma das maiores duvidas no momento da escolha, no entanto, as joalherias fornecem medidores de aro e permitem que você experimente vários modelos. Caso a aliança seja uma surpresa e não saiba o tamanho exato de sua companheira, pense em pegar um anel dela escondido e leve no dia para conferir a medida.

4. Espessura

A espessura da aliança irá depender do gosto e preferência do casal, os modelos mais finos são os clássicos e eram bastante usados antigamente, pois costumam ser mais delicados, ao contrário dos modelos com maior espessura que são mais modernos e a atual opção de muitos casais.

O formato e tamanho das mãos são quesitos muito importantes no momento da escolha, por isso o ideal é experimentar varias opções e optar pelo modelo e espessura que fique melhor em você.

5. Metal

Durante a escolha da aliança é muito importante ficar atentos ao tipo de metal do modelo escolhido, isso irá refletir diretamente no preço e na durabilidade da mesma.

Abaixo citei alguns dos metais mais encontrados no mercado:

• Ouro
• Prata
• Platina
• Titânio
• Tungstênio
• Aço

6. Peso

Sempre tive dúvidas sobre o que significa dizer que uma aliança possui 18 quilates… Ao pesquisar sobre isso descobri que várias outras pessoas também possuem a mesma duvida! Você sabe o que isso significa?

Então, essa questão se refere à quantidade de ouro utilizada na composição de cada aliança! Por exemplo, as alianças mais indicadas são as de 18 quilates, esses modelos são resistentes, possuem uma boa durabilidade e são compostos por 75% de ouro puro e 25% outras ligas metálicas como cobre e prata. Dessa forma as alianças de 14 quilates, que são as mais baratas, possuem bem menos ouro em sua composição, e os modelos de 24 quilates são os mais puros em ouro.

7. Cor

Seguindo a tradição, as alianças utilizadas para casamentos são as clássicas em ouro amarelo, no entanto, há uma variedade de cores e materiais no mercado. Além disso, há casais apostando em modelos feitos com ouro branco ou rose, outra opção e mesclar os materiais.

Não há uma regra quanto à cor das alianças, isso dependerá do gosto do casal, particularmente tenho preferência pelos tradicionais modelos em ouro amarelo.

8. Acabamento

Ao contrário dos modelos tradicionais, que geralmente são polidas e arredondadas sem cortes ou pedras preciosas, os modelos mais modernos dispõem de uma grande variedade em acabamentos para todos os gostos, e podem ser personalizados de acordo com o desejo do casal.

Alguns exemplos dessas opções em acabamentos são:

• Extremidades quadradas
• Cravejadas com pedras preciosas
• Acabamento fosco ou escovado
• Cortes
• Misturas em diferentes tipos de ouro
• Gravação de nomes, datas ou frases

9. Pedras preciosas

Alguns modelos podem ser cravejados com pedras preciosas, no entanto, isso não significa que se trata de diamantes! É importante questionar quanto à procedência da pedra, podendo ser lapidação de diamantes ou a sintética zircônia, que é muito parecida com o diamante, porém com preço mais acessível.

10. Preço

O preço da aliança irá varia de acordo com o modelo, espessura, tamanho, metal, peso e acabamento, por isso é importante entender sobre esses detalhes antes defini-los!

Como as alianças são joias seu valor tende a ser um pouco elevado, principalmente se a joia escolhida for de boa qualidade, portanto separe em seu orçamento um valor razoável para a compra das alianças.

11. Joalheria

Dê preferências a lojas indicadas por amigos ou sites de referencias no assunto de joias e casamentos. Fiquem atentos a todos os detalhes!

Ao experimentar os modelos na loja confira os arranhões, danos, acabamentos e se a joia possui em seu interior especificações quanto a sua porcentagem e tipos de ouro utilizado. Por exemplo, os modelos em 18 quilates devem vir com a especificação 750, referente aos 75% de ouro puro.

12. Compra online

Em tempos de constante evolução tecnológica até as alianças podem ser compradas virtualmente!

Isso mesmo, hoje em dia há varias lojas online que oferecem variados modelos de alianças para entrega a distancia em qualquer lugar do país. Caso opte por compra-las no conforto da sua casa tenha atenção redobrada!

• Tenha certeza do tamanho usado pelo casal
• Certifique-se da idoneidade da loja
• Confira se o produto possui garantia
• Confira se há contrato de compra e venda
• Exija a Nota Fiscal
• Analise a segurança quanto ao envio do produto

Ufa, são muitos detalhes não é mesmo? Mas vale a pena a leitura!

Dessa forma poderá escolher seu par de alianças da melhor forma possível.

Gestora financeira, especialista em controladoria financeira, apaixonada por casamentos e tudo que envolve a vida a dois!